empresa legislaÇÃo informativos facebook portugues espanhol inglês
licks & machado
 

legislao
Preço dos imóveis caiu em Portugal em 2010

 

 

Dados indicam queda das vendas de imóveis em Portugal e conseqüente redução de preços dos mesmos.

Venda de casas deverá ter caído entre 7 e 8% este ano

O presidente da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP) estima que este ano a venda de casas em Portugal tenha caído entre sete a oito por cento em relação a 2009.

Em declarações à Lusa, Luís Lima afirmou que «principalmente a partir de setembro houve um arrefecimento que vai fazer com que se feche o ano com menos sete a oito por cento de transações do que em 2009», embora esclareça que «só nos próximos dias haverá números finais».

Estes dados provisórios de queda significa que se terão vendido em Portugal cerca de 139.500 casas, este ano.
Ainda assim trata-se de uma quebra inferior à do ano anterior, em que se venderam 150.000 imóveis, uma redução de 12% em relação a 2008.

Para o presidente da APEMIP, a queda do mercado imobiliário em 2010 deve-se sobretudo à incerteza em relação ao futuro e às restrições no acesso ao crédito para a aquisição de casa própria. "As pessoas têm incerteza quanto ao futuro e não decidem, e compreendo porque não decidem. Há uma falta de confiança muito grande no mercado", diz Luís Lima.

Segundo a análise da Licks & Machado, este momento de queda de preços e crise econômica é ideal para a aquisição de imóveis neste país e para investimento neste mercado.

contato
MAPA DO SITE
facebook contato enderecos facebook contato mapa do site
links rodapé
© Todos os direitos reservados a Pinto Machado - Desenvolvido por Agencia B5